CONTAMINAÇÃO POETICA: UMA LITURGIA DO DESEJO PORTUGUÊS




                                                      {KVB_ Across the Sea}

Storytelling:

CONTAMINAÇAO POETICA:
UMA LITURGIA DO DESEJO PORTUGUÊS

A pa-lavra cres-ce,
e
dis-farça-da
no, nú, no tempo…
mal acendo…
e ascende… (e fica frio)
o fffff-umo
(bato com os dentes)
de um
o-u
ou-tro
cigarro parado,,,,,,,,,,,,,
gago mas
cons-ciente - mentes -
do cheiro
do café
mulhado,ai, ,,,,,,,,,,,,,,,,,,
enrolado,,,
até ,inté
ao
cascalho
do chão.
(não é chão é uma azuteia!) ............

E adeus.
A deuzes, duvidas e dívidas peço e perco...quem e-ra ou poder-ia, ria, via a ser,
Condicionalmente,
Abençoada-mente, pelo pecado mortal patriarcal e pela puta, em formato de castração do sonho erótico, e em nome dos altos padrões e convénios da a-moralidade irracionalista: tRam, trim, trum, tram, tramamamama, tamanha trama e da grande.

Confundo-me e UPS (chupa-chups).....
sento-me al-h-eia ao outro que,,,,,, passa corre,,,,,,,,,,,,,,,,,,, insensato à mudança. E principalmente inconsciente do meu desejo.
Bom não é???? Viva o romantismo, desde que se cuspa o platonisismo, pois de estátuas e de santos e santas estão as igrejas cheias!!! Eu cá preciso de assistência directa...muito mais concreta...quiça,m beijo não seja suficiente.

Viva a castração alheia aos limites, até à anulação. Viva. Viva, a política do carpe diem do deveria e do poderia, viva.
Hurra, hurra, hurra....Batam palmas...púlpitos, assobiem....enquanto,
Edito os seus fragmentos de face [o daquele, o daqueloutro e daquela- pois não foi só uma vez, e o desejo não tem género!!!], numa curta película muda de cor sépia. Pois é platónico esse olhar!

E ao vácuo comparto, como único guardião amigo, de abrigo de ar, os segredos desses fragmentos...dessas conversas mudas. chhhhhhhhhhhhhhhhhhhchhhhhhhhhhccccccccccccccccccccchcccccccccccccccccccchhhhhhhhhh
Assim, mais uma vez libero as masturbações assistidas em rimas, e engulo a contingente textura ou solidão desejada,
Contos sobre o nú… numa esquina perto de si. è só comprar bilhete.

E corro nadando com a bicicleta, com movimentos claros, que mais não são uma e apenas emergente insurreição do não. Foda-se!!! Isto não pode continuar.

A Escrita é uma viagem inconcreta, desperta, e atenta...aos sons subtis das palavras e das violências das culturas.

Carta A Santo António
Domestic Soundscape Igreja da Gracia
Lisboa









                                                                  

                                                              {Death in June - NADA (1985)}

METRO-POLIS LOOP - i Gave Away

A STORM WILL BREAK THE SILENCE

Storytelling 'n' domestic soundscape
a cybernetic reading:


I Gave Away...
-Gregory Corso

I gave away the sky.
along with all the stars planets moons
and as well the clouds and winds of weather
the formations of planes, the migration of birds…
“No way!” screamed the trees,
“Birds are ours when not in transit; you can’t give it!”
So I gave away the trees
and the ground they inhabit
and all such things as grow & crawl upon it
“Hold on there!” tidaled the seas,
“Shores are ours, trees for ships for ship yards,
ours! you can’t give it!”
So I gave away the seas
and all things that swim them sail them…
“No way!” thundered the gods,
“All you gave is ours! We made it all, even the likes of you!”
And so I gave away the gods .


A DOMESTIC SOUNDCAPE









Las Estatuas También Mueren [Chris Marker - Alain Resnais]

Apoteose



s.f. Deificação, ação de incluir entre os deuses.
Cerimônia de deificação dos imperadores e heróis, depois de sua morte.
Honras extraordinárias concedidas a alguém.
Glorificação, exaltação.
Teatro Cena final nas peças alegóricas ou fantásticas, em que as personagens estão representadas numa espécie de glória celeste.



EMPTINESS OF ATENTION: SUBSTANCE 'N' ABSENSE

Testing the sewing machine and a hot iron for the first time.
Experimentando a máquina de coser e o ferro de emgomar pela primeira vez.
Study of the sewing machine and the fabrics - stitches and tensions.
Estudo da maquina de cozer e dos tecidos - pontos e tensões.
Study of origami folding on fabric.
Estudo da técnica origami em tecido.
x3/1 different white fabrics 62 cm x 55 cm
























































{Dalhous}





49-KO

Monocromatic embroidery /bordado
42 cm x 33com
white cotton/ black fabric
Study of embossed stitches / estudo de puntos bordados com releve
This piece changes with light / esta peça muda com a luz
Study of light and Iron /estudo da luz e do ferro


{Tarik Barri}



49-KO-I



49-KO-II




49-KO-III




49-KO-IV




49-KO-V

49-KO-VI





49-KO-VII


{Samuel Kerridge}

EM CASA COM A MINHA AVÓ










PHOTO TO LINOLIUM cut
Mão e pés da minha avó Julieta aka Jeta
Manos y piés de mi Abuela Julieta aka Jeta
Hands and feet of my Grandmother Juliet aka Jeta
Mains et pieds de ma Grand.mère Julieta aka Jeta
Les man i els peus de la meva Ávia Juliet aka Jeta
Händs und FuBe meiner GroBmutter Julia aka Jeta
Mani e piedi di mia Nonna Giulietta aka Jeta

FEV 2014 



{Sophia de Mello Breyner Anderson e João César Monteiro}

LEXICON : DOMESTIC R-EVOLUTION


LEXICON -THE BIG BANG OF LOVE

Love collison - thermodynamics -entropy and the carbonic age - masticación - futuro - r- evolution
Tecnica: lettering, concrete poetry, linolium cut, collage and learn how to draw and wrtite with a pluma for the first time
NOV- AGOT 2014




























WAR UKRANIA - VENEZUELA -GAZA -WAR re-WAR-d AND DOMESTIC R-EVOLUTIONS
IRON SKY- IRON HEARTS- A COLD SOCIETY - MACHINE HEADS
NO -ON- NO- ON- LOVE OVER FEAR-PLEASE - written by nobody



{Daniele Wolf and Paolo Nutini}